Review – Mimi wo Sumaseba

Um filme simples e bem feito. Mimi wo Sumaseba (1995) é um filme do Estudio Ghibli, baseado no mangá de Aoi Hiragi e dirigido por Kondo Yoshifumi. Esse é com certeza um dos meus filmes favoritos, nunca vi nada similar, um anime fascinante que tem como ponto de partida um costume da protagonista Shizuku, o de ler livros. Uma garota chamada Tsukishima Shizuku, guiada por um gato que vaga pela cidade, encontra um antiquário que possui antigos relógios e outros itens, e lá terá início sua relação com Seiji Amasawa, neto do proprietário do lugar. A adolescência, fase situada entre a infância e a maturidade é o tema principal aqui. Em 2002 foi feito um spin-off do filme, Neko no Ongaeshi, Mimi wo Sumaseba pode ser considerado um “tradicional” filme do Ghibli. O final, criticado por alguns, foi na minha opinião o ponto alto da animação, no que se refere a consolidação do romance entre Seiji e Shizuku, com suas característica maturas e ainda assim marcada pela sua infantilidade, ele  é perfeito, nele acontece uma passagem entre um estado e outro. Uma obra que aborda temas simples de forma tocante.                                                                                                                                                                                                                                                 

Japop #01 – Conhecendo Kyoto – Parte 1 – Mangás e Games

Nesta seção falaremos sobre as maravilhas da cultura pop japonesa espalhadas pelas províncias e cidades da terra do sol nascente. Para inaugurar hoje vou lhes apresentar a província de Kyoto (ou Quioto) e sua capital de mesmo nome. Kyoto é famosa por suas antiguidades que incluem 17 templos e sua forte cultura tradicional, mas hoje vamos falar da província moderna que ela é atualmente. Sei qual é o meu público alvo, os leitores de quadrinhos japoneses, vale lembrar que Kyoto possui o Museu Internacional de Mangá, então vamos conhecer as principais atrações para os amantes de mangá na província. Ele não nasceu lá, mas Kyoto respira Tezuka, no Osamu Tezuka World na Kyoto Station você pode se divertir com os personagens criados por ele na forma de estátua. O Museu Internacional de Mangá foi aberto em 2006, os visitantes podem ler qualquer um dos mangás (que totalizam 50,000 exemplares) exibidos por lá.                       Games – Os amantes dos jogos japoneses vão adorar saber que a sede da Nintendo está localizada em Kyoto, a Nintendo também possui um museu em Osaka.